Goalball

Brasil conhece seus adversários das quartas de final nas duas categori

2069.V

 A Seleção Brasileira vibrando após o cronômetro zerar na partida contra a Lituânia

A Seleção Brasileira vibrando após o cronômetro zerar na partida contra a Lituânia

Brasil conhece seus adversários das quartas de final nas duas categorias

Espoo/Finlândia

O Brasil encerrou a primeira fase do Campeonato Mundial IBSA de Goalball com mais três vitórias. A seleção masculina venceu o Canadá e a Lituânia, e feminina, em jogo emocionante, superou Israel. Os resultados credenciaram as equipes dos técnicos Alessandro Tosim e Daílton Nascimento como líderes de seus respectivos grupos.

Com os primeiros lugares confirmados, a seleção masculina encara nas quartas de final o Irã, enquanto as meninas pegam os Estados Unidos, em jogos que acontecem nesta sexta-feira (4), com transmissão em tempo real pelo Twitter da CBDV (@cbdvonline), a partir das 6h15, com o jogo da equipe feminina, e às 8h45 da masculina. Em caso de sucesso brasileiro nas quartas, as partidas das semifinais serão realizadas também na sexta.

As guerreiras do goalball feminino brasileiro pegaram Israel na última rodada precisando de um empate para terminar a primeira fase na liderança do Grupo Y. No entanto, as atletas fizeram mais que isso. Com uma exibição de gala, principalmente defensivamente, o Brasil venceu as israelenses por 5 a 4 e garantiu a primeira posição, o que deixou o treinador Daílton Nascimento satisfeito.

- Um sentimento de missão cumprida. Foram cinco meses de treinos com as meninas. A defesa se comportou muito bem contra uma equipe que arremessa muito forte. Uma bola diferenciada, quicada ou rasteira. Então, eu vejo uma evolução muito grande no goalball feminino do Brasil – disse o treinador brasileiro bastante empolgado.

Para fechar com chave de ouro o desempenho do Brasil na fase inicial da competição, a seleção masculina enfrentou a Lituânia precisando vencer para passar os rivais na tabela de competição e garantir o topo do Grupo B.

Com uma defesa fechada e um ataque avassalador, o Brasil não deu chances para a Lituânia e venceu por 11 a 5. Alex Celente se destacou pela liderança dentro de quadra e comandou o espetáculo brasileiro com sua experiência e talento.

A exibição dos craques brasileiros foi digna de elogios por parte do treinador da equipe Alessandro Tosim, principalmente a defesa.

- Nosso sistema defensivo é muito eficaz, um dos melhores do mundo. O que nós fizemos nas Paralimpíadas (de Londres 2012) nós estamos mostrando aqui no Mundial. Aqui tem muito trabalho. A gente trabalha demais com esses caras (os atletas). A gente ama isso aqui – vibrou Tosim.

O vencedor de Brasil e Irã no masculino encara República Tcheca ou Lituânia, e no feminino, a equipe brasileira pega Japão ou Ucrânia, caso passe pelas norte-americanas.

www.cbdv.org.br
Tadeu Casqueira

Mais...

Buscas

Todas as notícias