Golfe

Brasil garante duas vagas no golfe nos Jogos Olímpicos Rio 2016

2295.V

CBG/Divulgação
Classificação para os Jogos de 2016 seguirá o ranking olímpico da Federação Internacional

Classificação para os Jogos de 2016 seguirá o ranking olímpico da Federação Internacional

Por ser o anfitrião, país terá direito a uma vaga no masculino e uma no feminino, segundo critérios divulgados pela Federação Internacional

Nos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro, em 2016, o Brasil terá a participação de ao menos um jogador de golfe de cada gênero, masculino e feminino, por ser o país sede dos Jogos. Os critérios de classificação olímpica foram divulgados pela Federação Internacional da modalidade (IGF, na sigla em inglês) na última segunda-feira (14.07).

Em ambos os eventos, categorias masculina e feminina, participarão 60 atletas em competição de 72 buracos na modalidade stroke play. As posições de cada evento serão preenchidas de acordo com o novo ranking de golfe olímpico que será publicado semanalmente no site da federação internacional.

Os jogadores nas primeiras 15 posições do ranking, na data de 11 de julho de 2016, serão elegíveis, observando-se o máximo de quatro jogadores por cada país. As posições restantes, a partir da 16º, serão preenchidas com base no referido ranking de 11 de julho de 2016, observando-se o máximo de dois jogadores por país que não estejam já classificados nas 15 primeiras posições.

Foi decidido também que todos os continentes terão também, no mínimo, um jogador de cada categoria masculina e feminina, com base no referido ranking e que não sejam elegíveis pelos referidos critérios.

A competição masculina será entre os dias 10 e 13 de agosto de 2016, e a feminina, de 17 a 20 de agosto. O novo ranking de golfe olímpico começou a ser calculado ontem (14.07), com base em diversos eventos elegíveis tanto para a categoria masculina quanto feminina.

www.brasil2016.gov.br
CBG

Mais...

Buscas

Todas as notícias