Tiro Esportivo

Brasil conquista vaga para o Rio 2016 no tiro esportivo paraolímpico

30.V

Graziella Batista/CPB
Debora Campos foi a responsável pelo feito no Mundial da modalidade, em Suhl, na Alemanha

Debora Campos foi a responsável pelo feito no Mundial da modalidade, em Suhl, na Alemanha

O Brasil conquistou uma vaga para os Jogos Paraolímpicos do Rio de Janeiro 2016 no tiro esportivo. A confirmação veio nesta quarta-feira (23.07), direto de Suhl, na Alemanha, onde está sendo disputado o Mundial da modalidade.

A responsável pelo feito foi a atiradora Debora Campos. A brasileira ficou em terceiro lugar na prova P3, Pistola Sport – 25 m Misto na terça-feira (22.07). De acordo com os critérios de classificação, somente os dois primeiros asseguram vaga para os Jogos. Mas como a húngara Krisztina David, vencedora da prova, já tinha vaga assegurada para o Rio, Debora herdou a vaga.

No tiro esportivo paraolímpico, o atleta precisa obter a vaga em apenas uma prova. Depois, fica habilitado a competir em todas as disciplinas que obtiver o índice mínimo qualificatório (MQS). Como a vaga conquistada por Debora pertence ao Brasil, o Comitê Paralímpico Brasileiro (CPB) terá até 25 de março de 2016 para definir quem será o representante nos Jogos.

Até hoje, o Brasil só teve um representante nos Jogos Olímpicos no tiro esportivo. Carlos Garletti disputou os Jogos de Pequim 2008 e Londres 2012 na carabina. Agora, Debora espera se juntar a ele no Rio 2016.

“A minha meta eu já tinha alcançado. Foi a minha melhor pontuação dentro de competições paraolímpicas. Agora, o foco muda, porque eu tinha um bom tempo para conseguir a vaga. E agora vou ter um bom tempo para me preparar. Quero mostrar para todos que eu tenho competência para estar na disputa”, comemorou Debora Campos.

O sucesso da brasileira no Mundial de Suhl deve servir de inspiração para outros atletas repetirem o feito da atiradora. É o que acredita Fernando Cardoso, coordenador técnico da modalidade. “ Teremos quatro oportunidades para conseguir as vagas e, logo na primeira, ela veio. Isso motiva ainda mais os outros e serve de exemplo”, opinou.

O Brasil volta a competir na Alemanha nesta quinta-feira (24.07). Debora estará novamente em ação, tentando atingir mais um MQS. Ela já tem os índices das provas P1 e P3 e agora vai tentar na P4, Pistola Livre – 50 m Misto. Além dela, o gaúcho Geraldo Von Rosenthal também compete.

www.brasil2016.gov.br
CPB

Mais...

Buscas

Todas as notícias