Tradutor/ Translate

CBV informa a respeito da seleção sub-20 na Bélgica

CBV informa a respeito da seleção sub-20 na Bélgica
Seleção sub-20 feminina durante treinamento na Europa
Foto: Divulgação/CBV

A Confederação Brasileira de Voleibol (CBV) esclarece que não houve qualquer deportação de atleta da seleção brasileira sub-20 feminina de vôlei. Após apresentar todos os protocolos de testes da delegação em Lisboa, Portugal, o Brasil entrou na Bélgica com carta convite da Federação local.

AMIGO LEITOR
Seja um colaborador do nosso Site Portal Olímpico. Não deixe essa chama apagar. Neste momento de dificuldade, toda contribuição financeira é bem-vinda.
Dê sua contribuição: Pix 22988620015
Depósito ou Transferência Bancaria em nome de Francisco de Alvarenga Leandro - Banco: Santander Ag: 3086 - Conta: 01042887-3
Qualquer dúvida (22) 988620015.
Desde já, agradecemos sua colaboração!
Atenciosamente, Sócio/Gerente: Francisco de Alvarenga Leandro.

+ Seleção sub-20 feminina de vôlei tem duas novas convocadas

Na sexta-feira (02.07), já no centro de treinamento de Bruxelas, na Bélgica, a equipe foi submetida a dois testes e todos tiveram resultados negativos, dando início aos treinamentos no mesmo dia. No sábado (03.07), a seleção treinou pela manhã. Entretanto, antes do amistoso com a Bélgica, programado para a tarde desse mesmo dia, o Brasil recebeu a visita do Presidente da Federação local informando que não seria realizado o amistoso por conta dos protocolos restritivos do governo. Vale salientar, aqui, que a federação belga não havia tomado todas as providências burocráticas necessárias junto ao governo local para a realização dos amistosos.

Brasil volta aos treinos na reta final de preparação para Tóquio

[Querido amigo! Está gostando desta matéria? Se sim, precisamos da sua colaboração para mantermos o nosso Site Portal Olímpico. Contribua com a quantia que puder, será de grande ajuda.
Nosso PIX: 22988620015.
Desde já, nosso muito obrigado, e prossiga com uma boa e abençoada leitura.]

A partir de então o staff da CBV, por meio da CEO Adriana Behar, tomou todas as providências para a permanência da seleção na Bélgica por mais um dia, uma vez que a Holanda só nos receberia a partir do dia 7. A seleção treinou no domingo (04.07), pela manhã, em Bruxelas, enquanto providências foram tomadas junto ao cônsul do Brasil, que agilizou a entrada na Holanda antes da data prevista. Estão todos bem acomodados, em um dos melhores Centros de Treinamento existentes, na Holanda, que será a sede da chave do Brasil.

Mauricio Borges entra para o Hall da Fama do Estádio Rei Pelé

Ressaltamos que a Argentina e a Rússia também têm medidas restritivas na Bélgica e, por esse motivo, a Federação Internacional de Voleibol (FIVB) alterou as chaves da competição.

Com lista definida para o Mundial, sub-20 feminina embarca para o Campeonato Mundial

Cabe esclarecer, também, que antes da partida do Brasil, uma atleta testou positivo em Saquarema (RJ) e, embora a sua colega de quarto não tenha testado positivo, a CBV julgou pertinente desligar as duas e em seus lugares reconvocar as substitutas.

A CBV reafirma que tomou todas as medidas necessárias e protocolares preventivas para a viagem e em relação a Covid-19. Todas as atletas integrantes da equipe e os membros da comissão que técnica que estão na Europa testaram negativo para a Covid-19 antes do embarque no Brasil.

O Banco do Brasil é o patrocinador oficial do voleibol brasileiro

Fonte: CBV (cbv.com.br)

Share

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.