Tradutor/ Translate

Stefani e Carter são vice-campeãs do WTA 500 de Abu Dhabi

Stefani e Carter são vice-campeãs do WTA 500 de Abu Dhabi
Após final equilibrada, dupla da brasileira perdeu para japonesas
Foto: © Hayley Carter/Arquivo pessoal

A paulistana Luisa Stefani e a norte-americana Hayley Carter levaram o título de vice-campeãs de duplas do WTA 500 de Abu Dhabi (Emirados Árabes Unidos). Após uma final equilibrada na manhã de hoje (13), a parceria Brasil-Estados Unidos acabou perdendo por 2 sets 0 para a dupla japonesa formada por Eni Shibahara e Shuko Aoyama, com parciais 7/6 (7-5) e 6/4.

AMIGO LEITOR
Seja um colaborador do nosso Site Portal Olímpico. Não deixe essa chama apagar. Neste momento de dificuldade, toda contribuição financeira é bem-vinda.
Dê sua contribuição: Pix 22988620015
Depósito ou Transferência Bancaria em nome de Francisco de Alvarenga Leandro - Banco: Santander Ag: 3086 - Conta: 01042887-3
Qualquer dúvida (22) 988620015.
Desde já, agradecemos sua colaboração!
Atenciosamente, Sócio/Gerente: Francisco de Alvarenga Leandro.

No primeiro set, com duas quebras de serviço para cada lado, Stefani e Carter conseguiram abrir 4/2 no placar. Mas acabaram sofrendo a virada, mesmo forçando o tie-break. No detalhe, Ena Shibahara e Shuko Aoyama não desperdiçaram a chance do set-point e largaram na frente. A segunda parcial foi parecida. A dupla da brasileira quebrou o serviço das rivais logo no segundo game. Só que não conseguiram manter a vantagem.

Judô Tênis

A campanha no WTA de Abu Dhabi rendeu à Stefani a melhor posição da carreira no ranking mundial. A paulistana, de 23 anos, subiu para a 30ª colocação no ranking mundial de duplas da WTA, e ficou a apenas uma posição de alcançar o posto mais alto ocupado por uma brasileira na modalidade até hoje: em 1976 a tenista Maria Esther Bueno estava em 29º lugar na lista de melhores de simples.

Essa foi a sexta final e o quarto vice-campeonato da brasileira em torneios WTA, o terceiro ao lado da americana de Carter. Agora, a dupla segue para Austrália, onde farão quarentena obrigatória de 14 dias, antes de disputar um WTA 500 em Melbourne, torneio que antecede o Aberto da Austrália, o primeiro Grand Slam de 2021.

[Querido amigo! Está gostando desta matéria? Se sim, precisamos da sua colaboração para mantermos o nosso Site Portal Olímpico. Contribua com a quantia que puder, será de grande ajuda.
Nosso PIX: 22988620015.
Desde já, nosso muito obrigado, e prossiga com uma boa e abençoada leitura.]

Fonte: Agência Brasil (agenciabrasil.ebc.com.br)

Share

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.