Tradutor/ Translate

Brasil vence a Argentina na estreia do vôlei de praia nos Jogos Olímpicos de Tòquio

Brasil vence a Argentina na estreia do vôlei de praia nos Jogos Olímpicos de Tòquio
Alison e Álvaro abriram a competição olímpica de vôlei de praia
Foto: Wander Roberto/COB

A estreia brasileira no vôlei de praia nos Jogos Olímpicos de Tóquio 2020 foi marcada por dupla vitória contra a Argentina. Alison/Álvaro Filho (ES/PB) e Ágatha/Duda (PR/SE) deram os primeiros passos na jornada olímpica na noite desta sexta-feira (23.07) – no horário de Brasília – contra parcerias do país vizinho.

AMIGO LEITOR
Seja um colaborador do nosso Site Portal Olímpico. Não deixe essa chama apagar. Neste momento de dificuldade, toda contribuição financeira é bem-vinda.
Dê sua contribuição: Pix 22988620015
Depósito ou Transferência Bancaria em nome de Francisco de Alvarenga Leandro - Banco: Santander Ag: 3086 - Conta: 01042887-3
Qualquer dúvida (22) 988620015.
Desde já, agradecemos sua colaboração!
Atenciosamente, Sócio/Gerente: Francisco de Alvarenga Leandro.

+ Duplas do Rio de Janeiro e do Paraná são destaque nas semifinais

Os primeiros brasileiros a entrarem na arena montada no parque Shiokaze, na capital japonesa, foram Alison e Álvaro Filho. Na rodada inaugural do grupo D, a dupla do Brasil levou a melhor contra Azaad/Capogrosso (ARG) por 2 sets a 0 (21/16 e 21/17). Apesar de certo nervosismo, natural na primeira partida, Álvaro Filho ficou satisfeito com a estreia olímpica.

Alcançamos o nosso objetivo, passamos da estreia com um resultado positivo, uma boa vitória e começamos bem a competição aqui em Tóquio. Enfrentamos um time alto, forte no bloqueio, que dificultou bastante, mas conseguimos variar bem no ataque e manter um bom aproveitamento no saque, o que foi fundamental. Primeiro jogo é passado, demos o nosso primeiro passo, a caminhada é longa e agora é focar na próxima partida”, comentou o paraibano que participa pela primeira vez de uma edição dos Jogos Olímpicos. El

[Querido amigo! Está gostando desta matéria? Se sim, precisamos da sua colaboração para mantermos o nosso Site Portal Olímpico. Contribua com a quantia que puder, será de grande ajuda.
Nosso PIX: 22988620015.
Desde já, nosso muito obrigado, e prossiga com uma boa e abençoada leitura.]

+ Dobradinha carioca leva o ouro na terceira etapa

E logo na sequência de uma vitória brasileira, veio outra. No jogo seguinte da primeira sessão do dia em Tóquio, Ágatha e Duda (PR/SE) abriram a rodada do grupo C com triunfo sobre Ana Gallay e Fernanda Pereyra, da Argentina, por 2 sets a 0 (21/19 e 21/11). Após a estreia, Duda mostrou-se aliviada e contente com o primeiro passo dado.

“É um sonho se realizando, mas a estreia tem uma tensão. Estar ao lado da Ágatha traz mais tranquilidade. A nossa comunicação foi um fator muito importante para nos soltarmos dentro da quadra, uma ajudando a outra. Ter jogado bem também me deixou muito satisfeita com este primeiro jogo”, disse Duda.

+ Terceira etapa tem semifinalistas definidos

Ágatha, que conta com a experiência de ter conquistado a medalha de prata na edição anterior dos Jogos, comentou que não faltou tensão e ansiedade antes da bola subir. Para a paranaense, se ater ao básico nos momentos mais complicados do jogo fez a diferença para a conquista da primeira vitória em Tóquio.

“Eu me senti um pouco tensa também, não tem como não sentir um frio na barriga em uma estreia olímpica. Focamos no ponto a ponto, no básico, conversamos muito. Contra a Argentina já tem uma rivalidade tradicional do esporte. O primeiro jogo foi bom para liberar a tensão. Agora teremos dois dias para descansar e estudar o próximo adversário. Nossa tática é justamente pensar um jogo de cada vez”, contou Ágatha.

Na segunda rodada do grupo C, Ágatha e Duda (PR/SE) enfrentarão Wang/X. Y. Xia, da China, na próxima terça-feira (27.07), às 10h (horário de Brasília). Antes, à meia-noite, Alison e Álvaro Filho (ES/PB) medem forças com Lucena/Dalhausser, dos Estados Unidos.

O próximo compromisso com duplas brasileiras em Tóquio já acontece neste sábado (24.07), às 23h (hora de Brasília), quando Evandro e Bruno Schmidt (RJ/DF) jogam contra os primos Esteban e Marco Grimalt, do Chile. Já Ana Patrícia e Rebecca (CE/MG) serão as últimas a estrearem na competição e entram em quadra somente neste domingo (25.07), contra Makhoka/Khadambi, do Quênia, às 23h.

[Querido amigo! Está gostando desta matéria? Se sim, precisamos da sua colaboração para mantermos o nosso Site Portal Olímpico. Contribua com a quantia que puder, será de grande ajuda.
Nosso PIX: 22988620015.
Desde já, nosso muito obrigado, e prossiga com uma boa e abençoada leitura.]

TABELA

VÔLEI DE PRAIA

23.07 (SEXTA-FEIRA)

Alison/Álvaro Filho (ES/PB) 2 x 0 Azaad/Capogrosso (ARG) (21/16 e 21/17)

Ágatha/Duda (PR/SE) 2 x 0 Gallay/Pereyra (ARG) (21/19 e 21/11)

24.07 (SÁBADO)

Evandro/Bruno Schmidt (RJ/DF) x Grimalt E./Grimalt M. (CHI) – às 23h

25.07 (DOMINGO)

Ana Patrícia/Rebecca (MG/CE) x Makokha/Khadambi (QUE) – às 23h

27.07 (TERÇA-FEIRA)

Alison/Álvaro Filho (ES/PB) x Lucena/Dalhausser (EUA) – às 0h

Evandro/Bruno Schidt (RJ/DF) x Abicha/Elgraoui (MAR) – às 3h

Ágatha/Duda (PR/SE) x Wang/X. Y. Xia (CHN) – às 10h

Ana Patrícia/Rebecca (MG/CE) x Graudina/Kravcenoka (LET) – às 23h

29.07 (QUINTA-FEIRA)

Ágatha/Duda (PR/SE) x Bansley/Brandie (CAN) – às 9h

Alison/Álvaro Filho (ES/PB) x Brouwer/Meeuwsen (HOL) – às 10h

30.07 (SEXTA-FEIRA)

Evandro/Bruno Schmidt (RJ/DF) x Bryl/Fjalek (POL) – às 9h

Ana Patrícia/Rebecca (MG/CE) x Claes/Sponcil (EUA) – às 21h

O Banco do Brasil é o patrocinador oficial do voleibol brasileiro

Fonte: CBV (cbv.com.br)

Share

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.