Tradutor/ Translate

Bruno Fratus conquista a Medalha de Bronze nos Jogos Olímpicos de Tóquio

Nadador relembra como superou a depressão e desistiu da aposentadoria para chegar a Tóquio e subir ao pódio

Bruno Fratus conquista a Medalha de Bronze nos Jogos Olímpicos de Tóquio
Jonne Roriz/COB

AMIGO LEITOR
Seja um colaborador do nosso Site Portal Olímpico. Não deixe essa chama apagar. Neste momento de dificuldade, toda contribuição financeira é bem-vinda.
Dê sua contribuição: Pix 22988620015
Depósito ou Transferência Bancaria em nome de Francisco de Alvarenga Leandro - Banco: Santander Ag: 3086 - Conta: 01042887-3
Qualquer dúvida (22) 988620015.
Desde já, agradecemos sua colaboração!
Atenciosamente, Sócio/Gerente: Francisco de Alvarenga Leandro.

Bruno Fratus é medalhista olímpico. O nadador brasileiro mais regular dos últimos anos conquistou o bronze olímpico nos 50m livre, nesta manhã de domingo (1º), em Tóquio, noite de sábado (1º), no Brasil. O bronze veio com o tempo de 21s57. Esta foi a 16ª medalha olímpica da Natação brasileira.

+ Luisa Stefani e Laura Pigossi conquistam o Bronze nos Jogos Olímpicos de Tóquio

Evandro e Bruno Schmidt vencem e seguem invictos

[Querido amigo! Está gostando desta matéria? Se sim, precisamos da sua colaboração para mantermos o nosso Site Portal Olímpico. Contribua com a quantia que puder, será de grande ajuda.
Nosso PIX: 22988620015.
Desde já, nosso muito obrigado, e prossiga com uma boa e abençoada leitura.]

Brasil vira sobre os Estados Unidos e vence por 3 a 1

CAMINHO PARA A MEDALHA

Antes da prova, um momento de reflexão. Ás 8h43 da manhã, ainda sem nenhum outro nadador na piscina, Bruno foi à raia 3, alongou e ficou por alguns minutos. Ele falou o motivo:

Mayra Aguiar vence sul-coreana e conquista sua terceira medalha de bronze em Jogos Olímpicos

Rebeca Andrade conquista a primeira Medalha Olímpica da Ginástica Artística Feminina para o Brasil

Hugo Calderano joga bem, mas cai nas quartas de final do tênis de mesa

“Aquele momento era um vácuo. Geralmente faço isso em grande parte das competições. Hoje não tinha uma intenção. Não tinha um intuito. Fiquei ali um pouco e voltei. É quase uma meditação”, explicou.

[Querido amigo! Está gostando desta matéria? Se sim, precisamos da sua colaboração para mantermos o nosso Site Portal Olímpico. Contribua com a quantia que puder, será de grande ajuda.
Nosso PIX: 22988620015.
Desde já, nosso muito obrigado, e prossiga com uma boa e abençoada leitura.]

Candidato à medalha, Fratus iniciou sua campanha fazendo seu melhor tempo da temporada já nas eliminatórias: 21s67. Na semifinal, disputada neste sábado no horário do Japão, sexta no horário brasileiro, baixou ainda mais sua marca: 21s60 e terceiro melhor tempo para a final. Na disputa decisiva, nadou na raia 3, entre os melhores durante todo o percurso e bateu em terceiro. Medalha olímpica.

Leo de Deus atinge melhor marca pessoal, primeira final e termina em sexto nos Jogos Olímpicos

+ Portela e Macedo ainda podem buscar medalha com equipes no sábado

Luisa Stefani e Laura Pigossi fazem história em Tóquio-2020

“Saiu uma betoneira das minhas costas. Eu tenho uma cobrança interna muito grande. Hoje, a Mi (Michelle Lenhardt, treinadora e esposa), me disse para que eu aproveitasse um pouco o momento. Foi isso. O meu trabalho é o mais fácil. É subir lá e nadar. Tem muita gente que me ajudou muito a chegar aqui”, disse.

Keno Marley atropela chinês e está nas quartas de finais em Tóquio 2020

Ana Patrícia e Rebecca acabam superadas por dupla da Letônia

Após a cerimônia de premiação, Fratus quebrou o protocolo, correu em direção à amada e a beijou. Os dois comemoraram a conquista.

[Querido amigo! Está gostando desta matéria? Se sim, precisamos da sua colaboração para mantermos o nosso Site Portal Olímpico. Contribua com a quantia que puder, será de grande ajuda.
Nosso PIX: 22988620015.
Desde já, nosso muito obrigado, e prossiga com uma boa e abençoada leitura.]

SOLIDO

Natural de Macaé, no Rio de Janeiro, Fratus se consolidou nos últimos dez anos como um dos grandes nomes da história da Natação brasileira. Foram dez temporadas terminando entre os mais rápidos nadadores do mundo.

Resultado inédito para o tênis de mesa do Brasil conquistado por Hugo Calderano

Seleção brasileira de futebol feminina se garante nas quartas ao vencer a Zâmbia

Durante este período, Fratus somou sete medalhas nos principais eventos do mundo. Ele subiu ao pódio nas últimas três edições de Campeonatos Mundiais: bronze em Kazan, prata em Budapeste e prata em Gwangju. Além disso, foi ouro no Pan-Pacifico e tem duas pratas e um ouro em Jogos Pan-Americanos

Rayssa Leal conquista a medalha de prata e se torna a atleta mais jovem do Brasil a subir em um Pódio Olímpico

Laura Pigossi e Luisa Stefani brilham e chegam às quartas de final dos Jogos Olímpicos de Tóquio

Abner Teixeira vence Cheavon Clarke, da Grã-Bretanha na sua estreia nos Jogos Olímpicos de Tóquio

Quarto lugar nos Jogos Olímpicos de Londres 2012, sexto na Rio 2016, ele conquista, em Tóquio, a medalha que sempre sonhou.

[Querido amigo! Está gostando desta matéria? Se sim, precisamos da sua colaboração para mantermos o nosso Site Portal Olímpico. Contribua com a quantia que puder, será de grande ajuda.
Nosso PIX: 22988620015.
Desde já, nosso muito obrigado, e prossiga com uma boa e abençoada leitura.]

Fratus chega, com o resultado na final dos Jogos Olímpicos, a marca de 91 vezes nadando para 21s. É disparado o atleta que mais atingiu esse tempo entre todos os nadadores da história.

É OURO!!! É OURO!!! É OURO!!! Italo Ferreira conquista o primeiro ouro do Brasil nos Jogos Olímpicos de Tóquio

Jaqueline Mourão se despede dos Jogos Olímpicos de Tóquio igualando o recorde de participações olímpicas

+ Seleção feminina vence República Dominicana e consegue segunda vitória nos Jogos Olímpicos de Tóquio

“Eu precisava passar por essas etapas. Em 2019, nos Jogos Pan-Americanos, eu precisava ser campeão. O Brasil, em algumas provas, tem obrigação de vencer nos Jogos Pan-Americanos. Aquilo foi muito importante para mim”, completou.

+ Handebol feminino vence a Hungria nos Jogos Olímpicos de Tóquio

Com chuva, Triatletas disputam prova feminina nos Jogos Olímpicos de Tóquio

+ Fernando Scheffer conquista a medalha de Bronze nos Jogos Olímpicos de Tóquio

Com a conquista de Fratus, a Natação brasileira agora soma 15 medalhas olímpicas (uma de ouro, três de prata e 11 de bronze). Os esportes aquáticos do Brasil ainda possuem mais uma medalha com Poliana Okimoto, bronze na Maratona Aquática, na Rio 2016.

Vôlei de Praia dos Jogos Olímpicos de Tóquio movimenta a madrugada brasileira

Avancini larga bem e registra melhor resultado da história do MTB nos Jogos Olímpicos

Fernando Scheffer vai à final dos 200m livre e termina em oitavo no Revezamento 4x100m livre dos Jogos Olímpicos de Tóquio

Fonte: CBDA (novo.cbda.org.br)

Share

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.