Tradutor/ Translate

O brasileiro Fred Biondi foi vice-campeão do Latin America Amateur Championship (LAAC)

Fred Biondi foi vice-campeão do Latin America Amateur Championship (LAAC)
Fred Biondi
Foto: Enrique Berardi LAAC

O brasileiro Fred Biondi foi vice-campeão do Latin America Amateur Championship (LAAC), que terminou neste domingo, dia 23 de janeiro, no Teeth of the Dog da Casa de Campo, na República Dominicana.

AMIGO LEITOR
Seja um colaborador do nosso Site Portal Olímpico. Não deixe essa chama apagar. Neste momento de dificuldade, toda contribuição financeira é bem-vinda.
Dê sua contribuição: Pix 22988620015
Depósito ou Transferência Bancaria em nome de Francisco de Alvarenga Leandro - Banco: Santander Ag: 3086 - Conta: 01042887-3
Qualquer dúvida (22) 988620015.
Desde já, agradecemos sua colaboração!
Atenciosamente, Sócio/Gerente: Francisco de Alvarenga Leandro.

Biondi  liderou o torneio até os buracos finais, mas bogey no 14 e no 17 tiraram sua chance de vitória, terminando com menos 6, com 282 tacadas (70/75/65/72), apenas uma tacada do campeão, empatado com os argentinos Mateo Fernandez Oliveira e Vicente Marzilio, e o mexicano Santiago De La Fuente.

Judô Tênis

+ Alexandre Rocha disputa o The Bahamas Great Abaco Classic, segunda etapa do Korn Ferry Tour

ESPN3 transmite ao vivo o Latin America Amateur Championship 2022

[Querido amigo! Está gostando desta matéria? Se sim, precisamos da sua colaboração para mantermos o nosso Site Portal Olímpico. Contribua com a quantia que puder, será de grande ajuda.
Nosso PIX: 22988620015.
Desde já, nosso muito obrigado, e prossiga com uma boa e abençoada leitura.]

Delegação Brasileira já está na República Dominicana para o Latin America Amateur Championship (LAAC)

Este é o melhor resultado de um jogador brasileiro nas sete edições do Latin America Amateur Championship.  A melhor colocação tinha sido na primeira edição, em 2015, com o terceiro lugar de André Tourinho e depois, em 2019, com Andrey Xavier em quinto lugar, e Fred Biondi em sexto lugar.

O campeão foi Aaron Jarvis, das Ilhas Cayman, líder na sede no buraco 18, que ficou esperando o último grupo para comemorar sua vitória, após terminar com menos 7, 281 tacadas (70/69/73/69).

Mateo Fernandez e Daniela Ballesteros vencem o XVI Campeonato Sul-Americano Amador

O profissional Alexandre Rocha participa do The Bahamas Great Exuma Classic

O gaúcho Andrey Xavier Borges teve um bom dia neste domingo, jogando três abaixo, ficando na 7ª posição, mais 4, com 284 tacadas (68/74/73/69). Lucas Park (SP) terminou na 27ª posição, com mais 7, 295 tacadas (76/74/70/75).

O torneio começou com 102 golfistas de 29 países, tendo passado o corte 53 jogadores após a segunda rodada. Os brasileiros Guilherme Grinberg (SP) e Matheus Park (SP) não passaram o corte.

O campeão do LAAC ganhou um convite para o 2022 Masters Tournament em Augusta National Golf Club e uma isenção para o 150º Open em St Andrews. O vencedor também recebe isenção total do Campeonato Amador dos EUA e entra na fase final de qualificação para o 122º Campeonato Aberto dos EUA no The Country Club em Brookline, Massachusetts.

Os vice-campeões ganham isenção para a fase final de qualificação do 150º Open e do U.S Open 2022.

A oitava edição do Latin America Amateur Championship (LAAC) será realizada no Grand Reserve Golf Club, Porto Rico, de 12 a 15 de janeiro de 2023.

Meilin Hoshino é a melhor brasileira no primeiro dia do XVI Campeonato Sul-Americano Amador no Equador

15º Torneio ABGS de Golfe Sênior do Guarujá Golf Club

São Paulo recebe em fevereiro o U.S. Kids Coach

[Querido amigo! Está gostando desta matéria? Se sim, precisamos da sua colaboração para mantermos o nosso Site Portal Olímpico. Contribua com a quantia que puder, será de grande ajuda.
Nosso PIX: 22988620015.
Desde já, nosso muito obrigado, e prossiga com uma boa e abençoada leitura.]

O convite aos golfistas para a sétima edição do LAAC foi feito em nome do Masters Tournament, The R&A e da United States Golf Association (USGA), pelo Comitê Executivo do Campeonato Amador da América Latina (LAAC), com base da classificação no ranking mundial amador (WAGR).

O presidente da Confederação Brasileira de Golfe (CBGolfe), Osmar da Costa Sobrinho, esteve presente na República Dominicana, também como presidente da Federação Sul-Americana de Golfe (FSG), além de Erik Andersson, coach nacional da CBGolfe.

A delegação brasileira participa do torneio com o apoio da Confederação Brasileira de Golfe (CBGolfe) e do Comitê Olímpico do Brasil (COB), através de projetos com recursos da Lei das Loterias.

Fonte: CBGolfe (cbg.com.br)

Share

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.