Jogos Escolares

Observadores de 28 países estarão em João Pessoa (PB) para os Jogos

2177.V

Wagner Carmo/Inovafoto/COB
Programa de Observadores Internacionais dos Jogos é ampliado, e contará com a participação de 35 integrantes, enviados pelo COI e, pela primeira vez, pela ODESUR

Programa de Observadores Internacionais dos Jogos é ampliado, e contará com a participação de 35 integrantes, enviados pelo COI e, pela primeira vez, pela ODESUR

Observadores de 28 países estarão em João Pessoa (PB) para os Jogos Escolares da Juventude

Referência mundial e reconhecido pelo Comitê Olímpico Internacional (COI) como um dos principais eventos estudantis do mundo, os Jogos Escolares da Juventude chegam a João Pessoa (PB) pela quarta vez, com a realização da etapa para jovens atletas de 15 a 17 anos, entre os dias 6 e 15 de novembro. Prova da força e importância que o evento organizado pelo Comitê Olímpico do Brasil (COB) alcançou em nível mundial é mais uma vez a realização do Programa de Observadores Internacionais. Representando quatro continentes, 35 integrantes de comitês olímpicos e entidades esportivas de 28 países (como Bahrein, Butão, Chipre, Macedônia, Costa Rica e Trinidad e Tobago, entre outros) estarão em João Pessoa para conhecer todos os detalhes da organização da competição que reunirá mais de quatro mil jovens atletas.

Na capital paraibana, a novidade será a inclusão, pela primeira vez, de observadores indicados pela Organização Desportiva Sul-americana (ODESUR), que se juntarão aos já tradicionais observadores enviados pelo COI, em ações independentes. "Este programa possibilita uma experiência enriquecedora tanto para os observadores quanto para os organizadores dos Jogos Escolares da Juventude. Seu objetivo principal é realizar um intenso intercâmbio de informações e trabalhar o esporte escolar como ferramenta de integração e inclusão social em todo o mundo. Estamos muito satisfeitos com a oportunidade de realizar esta iniciativa exclusivamente para o continente sul-americano. Esperamos que as boas práticas realizadas no Brasil se expandam por todos os países membros da ODESUR e que o esporte escolar ganhe cada vez mais espaço dentro das Américas", disse Carlos Arthur Nuzman, presidente do COB e da ODESUR.

O Programa de Observadores tem a chancela do COI, através da Solidariedade Olímpica Internacional (SOI), e desde 2007 já levou mais de 100 visitantes internacionais aos Jogos Escolares. Em João Pessoa, participarão do programa em parceria com o COI 16 pessoas de 15 países. A Jamaica terá dois representantes. "Os Jogos Escolares da Juventude já se consolidaram como uma das maiores competições estudantis do mundo e um exemplo de organização reconhecido pelo Movimento Olímpico. Por isso, as atividades do Programa de Observadores Internacionais buscam fortalecer o trabalho em torno do esporte escolar em todo mundo e expandir o modelo que criamos no Brasil para outras realidades. Estamos muito satisfeitos com os resultados que alcançamos nestes anos e com o retorno sempre positivo dos participantes", afirmou Edgar Hubner, gerente-geral de Juventude e Infraestrutura do COB e diretor-geral dos Jogos Escolares da Juventude.

Em João Pessoa, os observadores terão uma intensa agenda de atividades. Durante o evento, eles percorrerão as instalações esportivas e conhecerão os detalhes de todas as áreas da organização da maior competição esportiva estudantil do Brasil para tirarem proveito das melhores práticas e iniciativas e disseminarem este conhecimento em seus respectivos países. Os observadores assistirão às competições, visitarão o Centro de Convivência dos Jogos, participarão das atividades culturais, incluindo a Cerimônia de Abertura, e ainda terão a oportunidade de apresentarem os modelos de desporto escolar de seus países.

Os Jogos Escolares da Juventude são organizados e realizados pelo Comitê Olímpico do Brasil, correalizados pelo Ministério do Esporte e Organizações Globo, com apoio do Governo do Estado da Paraíba, da Prefeitura de João Pessoa e patrocínio máster da Coca-Cola.

jogosescolares.cob.org.br
COB

Mais...

Buscas

Todas as notícias