Tradutor/ Translate

Seletiva Nacional Sub-18 e Sub-21 de Judô começa nesta quinta-feira

Seletiva Nacional Sub-18 e Sub-21 começa nesta quinta-feira, 03, no SESI Osasco, em São Paulo

Seletiva Nacional Sub-18 e Sub-21 começa nesta quinta-feira
Marcel dos Santos, diretor do SESI-SP, entrega troféu do Mérito Esportivo ao presidente da CBJ, Silvio Acácio Borges
Foto: Lara Monsores/CBJ

AMIGO LEITOR
Seja um colaborador do nosso Site Portal Olímpico. Não deixe essa chama apagar. Neste momento de dificuldade, toda contribuição financeira é bem-vinda.
Dê sua contribuição: Pix 22988620015
Depósito ou Transferência Bancaria em nome de Francisco de Alvarenga Leandro - Banco: Santander Ag: 3086 - Conta: 01042887-3
Qualquer dúvida (22) 988620015.
Desde já, agradecemos sua colaboração!
Atenciosamente, Sócio/Gerente: Francisco de Alvarenga Leandro.

Primeiro dia de competição terá a disputa das categorias femininas na classe Sub-18. Evento vai até domingo, 06

Judô Tênis

O novo processo de formação das Seleções Brasileiras Sub-18 e Sub-21 de Judô começa nesta quinta-feira, 03, com a disputa da Seletiva Nacional das duas classes de idade no ginásio do SESI, em Osasco, São Paulo. O primeiro dia de competição será para as categorias femininas da classe Sub-18 e as lutas começam a partir das 9h (horário de Brasília). A Seletiva seguirá até domingo, 06, e a expectativa é que cerca de 800 atletas passem pelo tatame do SESI neste final de semana. Como medida de prevenção à Covid-19, o evento não será aberto ao público.

+ Maria Portela conquista a medalha de bronze no Grand Prix de Portugal

[Querido amigo! Está gostando desta matéria? Se sim, precisamos da sua colaboração para mantermos o nosso Site Portal Olímpico. Contribua com a quantia que puder, será de grande ajuda.
Nosso PIX: 22988620015.
Desde já, nosso muito obrigado, e prossiga com uma boa e abençoada leitura.]

ACOMPANHE A SELETIVA NACIONAL SUB-18 E SUB-21 (inscritos, chaves, resultados)

Nesta quarta, o sorteio definiu as chaves de disputa da classe Sub-18. A cerimônia foi conduzida pela gerente de Competições da CBJ, Thiara Bertoli, e prestigiada por autoridades, como o presidente da Confederação, Silvio Acácio Borges, por Marcel Miri dos Santos, diretor do SESI Osasco, Marcelo Theotonio, gerente das equipes de Transição da CBJ, e pelo coordenador nacional de arbitragem, Edison Minakawa.  

“Gostaria de desejar as boas-vindas a todos em nome do nosso superintendente Alexandre Pflug, que é nosso apoiador imediato do esporte. Hoje, o SESI tem 14 atividades esportivas olímpicas e nessa sequência toda a gente tem a honra de recebê-los. É sempre muito bom a gente receber pessoas como vocês na nossa casa. O SESI está à disposição. Muito obrigado e uma boa Seletiva a todos”, disse o diretor do SESI, Marcel dos Santos.  

É OURO!!! É OURO!!! É OURO!!! Rafaela Silva conquista o ouro no Grand Prix de Almada, em Portugal

Nota de Falecimento do Kôdansha Raimundo Faustino

Ele aproveitou a oportunidade ainda para homenagear a CBJ entregando o troféu de Mérito Esportivo do SESI ao presidente Silvio Acácio e aos gerentes Thiara Bertoli e Marcelo Theotonio.  

[Querido amigo! Está gostando desta matéria? Se sim, precisamos da sua colaboração para mantermos o nosso Site Portal Olímpico. Contribua com a quantia que puder, será de grande ajuda.
Nosso PIX: 22988620015.
Desde já, nosso muito obrigado, e prossiga com uma boa e abençoada leitura.]

“Uma alegria muito grande poder estar dentro de uma estrutura como essa. Fui recebido há pouco na sala do Marcel e falávamos da estrutura que o SESI tem para alavancar o esporte. Ele acabou de citar a quantidade de modalidades que eles investem. E, para nós, é uma tranquilidade muito grande podermos ter uma parceria e já começar o calendário de 2022 com um dos maiores eventos dessa categoria”, elogiou o presidente da CBJ, Silvio Acácio Borges.  

Judô brasileiro disputa Grand Prix de Portugal a partir desta sexta, 28

Comissão técnica do Judô Paralímpico convoca 25 atletas para o Primeiro Campo de Treinamento

A Seletiva Nacional é o ponto de partida do calendário de competições do judô brasileiro em 2022. Ela selecionará os oito melhores atletas de cada categoria para a disputa do Meeting Nacional Sub-18 e Sub-21, que acontecerá nos dias 12 e 13 de março. Além disso, a Seletiva é uma das etapas que distribuirão pontos no Ranking Nacional das classes Sub-18 e Sub-21. Todos os critérios e detalhes do processo das equipes de transição foram explicados na cerimônia do sorteio por Marcelo Theotonio.  

“Confesso que estava bastante ansioso por esse momento. Foi um intervalo muito longo para a retomada do nosso processo. E, hoje, oficialmente, estamos retomando as categorias de base através dos eventos de ranqueamento e classificação para campeonatos pan-americanos e mundiais. Tivemos um número muito positivo de 800 atletas inscritos e tenho certeza que vai ser um evento muito bom”, pontuou Theotonio.   

CBJ divulga os critérios de convocação da Seleção Brasileira de Judô para o ciclo Paris 2024

Treinamento de Campo Nacional de Veteranos de Judô, acontecerá em Pindamonhangaba (SP)

Sistema de disputa da Seletiva Nacional Sub-18 e Sub-21 

Não haverá cabeça-de-chave para a classe Sub-18, apenas separação por clubes. O sistema de disputa será por eliminatórias (chaves) para categorias com mais de cinco atletas inscritos. A repescagem é dos semifinalistas e haverá uma disputa entre os terceiros colocados para definir o terceiro e o quarto lugar para fins de pontuação no ranking nacional. Para as categorias que tiverem até cinco atletas inscritos, o sistema de disputa será por rodízio. Na seletiva, não existe cerimônia de premiação e pódio.

Brasil realizará o Grand Prix de judô em SP e o Mundial será no Azerbaijão 

[Querido amigo! Está gostando desta matéria? Se sim, precisamos da sua colaboração para mantermos o nosso Site Portal Olímpico. Contribua com a quantia que puder, será de grande ajuda.
Nosso PIX: 22988620015.
Desde já, nosso muito obrigado, e prossiga com uma boa e abençoada leitura.]

Três atletas estão dispensados da Seletiva  

Os três atletas Sub-21 que entraram na seleção principal em 2022 – Ryan Conceição (60kg/Ass. Nagai/RJ), Luana Carvalho (70kg/Umbra/RJ) e Beatriz Freitas (78kg/ECPinheiros/SP) – foram dispensados de lutar a Seletiva Sub-21 por mérito. Freitas está na Europa, onde participou do Grand Prix de Portugal e lutará o Grand Slam de Paris neste final de semana. Já Ryan e Luana estão se preparando para representar o Brasil no Grand Slam de Tel Aviv nas próximas semanas. 

ACOMPANHE A SELETIVA NACIONAL SUB-18 E SUB-21 (inscritos, chaves, resultados)

Fonte: CBJ (cbj.com.br)

Share

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.