Tradutor/ Translate

Seleção Masculina de Vôlei vence o Irã pela Liga das Nações

Seleção Masculina de Vôlei vence o Irã pela Liga das Nações
Seleção masculina alcança a quarta vitória na competição
Foto: Divulgação/VolleyballWorld

DECLARAÇÕES EM VÍDEO DARLAN E LUCARELLI 

AMIGO LEITOR
Seja um colaborador do nosso Site Portal Olímpico. Não deixe essa chama apagar. Neste momento de dificuldade, toda contribuição financeira é bem-vinda.
Dê sua contribuição: Pix 22988620015
Depósito ou Transferência Bancaria em nome de Francisco de Alvarenga Leandro - Banco: Santander Ag: 3086 - Conta: 01042887-3
Qualquer dúvida (22) 988620015.
Desde já, agradecemos sua colaboração!
Atenciosamente, Sócio/Gerente: Francisco de Alvarenga Leandro.

Uma partida com a marca da superação e da garra que são características da seleção brasileira masculina. Nesta sexta-feira (24.06), a equipe do técnico Renan Dal Zotto superou o Irã por 3 sets a 0 (30/28, 25/23 e 25/19), em Sofia (BUL), pela segunda etapa da Liga das Nações. O ponteiro Lucarelli e o central Isac foram os destaques da quarta vitória do Brasil na competição, com 15 e 14 pontos, respectivamente.  O próximo jogo da seleção brasileira, atual campeã da competição, será no domingo (26.06), conta a Bulgária, anfitriã da etapa. O sportv2 transmite ao vivo.

Judô Tênis

Ainda no primeiro set, o oposto Alan sentiu dores na hora de sacar e precisou ser substituído. Em uma primeira avaliação, a suspeita é de lesão no tendão de Aquiles da perna direita, mas um exame de ressonância magnética será realizado neste sábado (25.06). No lugar de Alan entrou seu irmão, Darlan, que joga na mesma posição e completou 20 anos exatamente nesta sexta-feira. O técnico Renan teve outro desfalque na partida: o central Lucão sentiu um desconforto na panturrilha direita, foi poupado, e será reavaliado nos próximos dias.  

+ É CAMPEÃO!!! É CAMPEÃO!!!É CAMPEÃO!!! SESI/SP conquista Campeonato Brasileiro Feminino de Vôlei Sentado em Maceió

[Querido amigo! Está gostando desta matéria? Se sim, precisamos da sua colaboração para mantermos o nosso Site Portal Olímpico. Contribua com a quantia que puder, será de grande ajuda.
Nosso PIX: 22988620015.
Desde já, nosso muito obrigado, e prossiga com uma boa e abençoada leitura.]

Título mundial de Duda/Ana Patricia é inspiração para jovens atletas

Felipe Malzac, médico da seleção brasileira masculina de voleibol: “No exame clínico que realizamos no Alan constatamos uma dor e uma incapacidade funcional na perna e no tornozelo direitos. Nossa suspeita é que seja uma lesão no tendão de Aquiles, e programamos para amanhã (sábado 25.06), uma ressonância magnética, que é o melhor exame para podermos definir o diagnóstico e traçarmos toda a conduta do tratamento”. 

Alan, oposto, saiu lesionado no final do primeiro set: “No momento em que fui sacar, senti uma dor que não consegui identificar. Minha primeira reação foi colocar o pé para o alto. Logo em seguida fui atendido e colocamos gelo. Amanhã (sábado) faremos o exame para constatar o que de fato aconteceu. Agora é descansar e esperar. Tomara que dê tudo certo”. 

Seleção masculina vence a Sérvia pela Liga das Nações

Brasil perde para a Polônia e encara a Sérvia pela segunda etapa da Liga das Nações de Vôlei

Isac, central, 14 pontos (nove de ataque, quatro de bloqueio e um de saque): “A missão foi cumprida por hoje. Tivemos a oportunidade de fazer mais uma partida decisiva, e daqui para frente todas serão assim. Que bom que o grupo tem uma mentalidade vencedora, conta com jogadores experientes, que em situações de dificuldade sabem dosar o jogo. Tivemos a infelicidade de perder o Alan, mas conseguimos nos manter focados, sem nos abalar, seguimos unidos. Fico feliz de poder ter contribuído para que o time saísse com a vitória”. 

Lucarelli, ponteiro, maior pontuador do Brasil na partida, com 15 pontos, todos de ataque: “Hoje tivemos uma bela vitória. O Alan merecia esta homenagem. Foi emocionante, pois eu já passei por situação semelhante. O Irã entrou em quadra com muita confiança por ter vencido os Estados Unidos ontem, mas nós soubemos jogar. Nosso ritmo de jogo foi melhor hoje, e estamos evoluindo a cada partida”. 

Medalhistas de bronze na Itália, André e George disputam o Top 8 da sexta etapa do Circuito Brasileiro de Vôlei de Praia

Na segunda etapa da Liga das Nações, os irmãos Alan e Darlan defendem a Seleção Brasileira

Darlan, oposto, aniversariante do dia (completou 20 anos nesta sexta-feira), substituiu o irmão Darlan e marcou cinco pontos de ataque: “Senti um pouco o nervosismo, especialmente por entrar no lugar do meu irmão. Mas foi uma experiência de jogo boa. Agora preciso focar no próximo jogo para entrar e representar bem o Brasil”. 

Renan Dal Zotto, técnico da seleção masculina: “Superação é a palavra que define esta partida, por tudo o que aconteceu. O grupo inteiro se entregou demais para alcançarmos esta vitória. Cada bola e cada ponto foram muito disputados. Agora, teremos um dia de descanso para ajustar algumas coisas, mas é muito bom ver todo mundo entrando e dando a sua contribuição”. 

Para a segunda etapa da Liga das Nações o técnico Renan selecionou os opostos Alan e Darlan; os levantadores Bruninho e Fernando Cachopa; os centrais Isac, Lucão, Flávio e Leandro Aracaju; os ponteiros Lucarelli, Rodriguinho, Leal e Adriano; e os líberos Thales e Maique.  

A Liga das Nações reúne as 16 melhores seleções de voleibol do planeta. Em 2022, a competição será realizada em duas fases. A primeira tem três etapas. Em cada uma, os times são divididos em dois grupos e cada um joga quatro vezes. Os grupos e os confrontos de cada semana são definidos por sorteio. Os oito melhores desta fase avançam para a fase final, que acontece de 20 a 23 de julho, em Bolonha (Itália). O Brasil é o atual campeão e busca o bicampeonato. 

ESTATÍSTICAS 

GALERIA DE FOTOS 

Liga das Nações 

Primeira etapa: 

Brasília – Brasil 

08/06 – Brasil 3 x 0 Austrália (25/14, 25/18 e 25/21)
09/06 – Brasil 3 x 1 Eslovênia (25/21, 21/25, 25/20 e 25/16)
11/06 – Brasil 1 x 3 Estados Unidos (25/21, 25/27, 20/25 e 20/25)
12/06 – Brasil 0 x 3 China (23/25, 30/32 e 23/25) 

Segunda etapa 

Sofia – Bulgária 

22/06 – Brasil 1 x 3 Polônia (16/25, 25/22, 16/25 e 22/25)
23/06 – Brasil 3 x 0 Sérvia (25/18, 26/24 e 25/17)
24/06 – Brasil 3 x 0 Irã (30/28, 25/23 e 25/19)
26/06 – Brasil x Bulgária, às 14h 

Terceira etapa: 

Osaka – Japão 

06/07 – Brasil x Alemanha, às 3h40
07/07 – Brasil x Canadá, às 6h
08/07 – Brasil x França, às 3h40
10/07 – Brasil x Japão, às 7h10 

O Banco do Brasil é o patrocinador oficial do voleibol brasileiro 

Fonte: CBV

Share

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.