Judô

Deanne Almeida conquista a terceira medalha para o Brasil nos Jogos Mundiais

3310.V

Deanne Almeida mostra a medalha de bronze

Deanne Almeida mostra a medalha de bronze

Seul/Coreia do Sul – Quatro brasileiros entraram no tatame montado no Ginásio Jamsil pelo segundo dia de competições do Judô Paralímpico nos Jogos Mundiais da IBSA 2015, nesta quinta-feira (14), em Seul, Coreia do Sul. O grande resultado ficou por conta de Deanne Almeida que conquistou o terceiro bronze para o Brasil.

O dia não começou bom para a mineira. Deanne foi derrotada logo na primeira luta para a uzbeque Khayitjon Alimova. O tropeço na estreia não desanimou a brasileira, que teve grande recuperação na competição, e emplacou duas vitórias para conquistar o bronze da categoria +70 kg, contra a americana Sarah Chung e a russa Svetiana Ganieva.

- Hoje eu pensei que poderia ser campeã, mas já iniciei errando na primeira luta. Erro de quem ainda não aprendeu lidar com a dor, erro de amador. Mas como dizem que é com os erros que se aprende, posso dizer que já aprendi. Estou triste pelo erro e feliz pela conquista - disse a medalhista de bronze.

Outros brasileiros também fizeram boas lutas, mas ficaram no quase. O jovem Abner Nascimento (-73 kg) conseguiu duas vitórias empolgantes logo no início, contra Mauricio Briceno, da Venezuela, e Fabian Ramirez, da Argentina. No entanto, o potiguar caiu para Feruz Sayidov, do Uzbequistão. Na repescagem, o algoz foi o Cazaque Kuralbay Orynbassar.

Harlley Arruda chegou mais perto da disputa da medalha. Após derrota na primeira luta para aquele que viria a ser o campeão da categoria -81 kg, o coreano Jung Lee, o paulista venceu na repescagem o americano Adnan Gutic. Na luta para chegar a disputa do bronze, Harlley parou no ucraniano Olexandr Kosinov. Michele Ferreira competiu pela categoria -52kg, mas caiu na estreia para a turca Zeynep Celik.

Na noite desta quinta-feira (14), o último dia das competições individuais do Judô Paralímpico contará com os brasileiros Wilians Araújo (+100 kg), Antônio Tenório (-90 kg), Arthur Silva (-90 kg), Karla Cardoso (-48 kg), Luiza Oliano (-48 kg) e Victoria Silva (-63 kg). As lutas começam a partir das 22h, horário de Brasília.

www.cbdv.org.br
Tadeu Casqueira

Mais...

Buscas

Todas as notícias