Natação

Nadadores brasileiros quebram recordes mundiais nos EUA

827.V

Divulgação/Brasil 2016
Campeonato Mundial de Natação Paraolímpica está marcado para o período de 13 a 19 de julho

Campeonato Mundial de Natação Paraolímpica está marcado para o período de 13 a 19 de julho

Natação paraolímpica

Seleção brasileira viu três de seus atletas quebrarem recordes no último fim de semana, durante o Jimi Flowers Classic, em Colorado Springs

Em fase final de preparação para o Campeonato Mundial de Glasgow, a seleção brasileira de natação paraolímpica viu três de seus atletas quebrarem recordes no último fim de semana, durante o Jimi Flowers Classic, em Colorado Springs, nos Estados Unidos. Depois de passar uma semana treinando no Centro de Treinamento Olímpico Americano , os nadadores encerram o período participando da competição.

O Campeonato Mundial de Natação Paraolímpica está marcado para o período de 13 a 19 de julho, em Glasgow, na Escócia. A seleção brasileira contará com 23 nadadores e embarca em 4 de julho para um período de aclimatação na cidade antes das provas.

Uma das promessas da natação para os Jogos Paraolímpicos Rio 2016, Talisson Glock foi o grande destaque da equipe brasileira nos Estados Unidos. O nadador quebrou o recorde mundial dos 200 m costas na classe S6, em prova que não faz parte do programa dos Jogos. Ele completou a prova em 2min44s31 e baixou em 32 centésimos a marca anterior, do russo Igor Plotnikov, estabelecida em 2009.

Além dele, o Brasil também superou dois recordes continentais no Jimi Flowers Classic. Roberto Alcalde nadou os 200 m peito na classe SB5 em 3min29s99, enquanto Ítalo Gomes Pereira concluiu os 200 m costas da classe S7 em 2min41s77. Talisson, Roberto e Ítalo são contemplados pelo programa Bolsa Pódio, do governo federal.

“O campeonato encerrou nossa semana de treinamento em Colorado. O mais importante dessa viagem foi juntar os atletas que vão ao Mundial para treinar juntos em uma estrutura excelente, que é a do Centro de Treinamento de Colorado Springs. A competição fez parte do treinamento e, com isso, boas marcas foram alcançadas”, destacou Leonardo Tomasello, técnico da seleção brasileira, exaltando as 51 vitórias dos atletas na competição.

www.brasil.gov.br
Ministério do Esporte

Mais...

Buscas

Todas as notícias