Judô brasileiro tem vitórias de Allan Kuwabara e Willian Lima, mas fecha primeiro dia em Tel Aviv sem medalhas

Judocas estrearam bem, mas caíram para cabeças-de-chave número um de suas categorias no segundo combate. Mais cinco brasileiros lutarão na sexta
Foto: CBJ/ Divulgação

Os melhores resultados do judô brasileiro no primeiro dia do Grand Slam de Tel Aviv foram do ligeiro Allan Kuwabara e do meio-leve Willian Lima. Ambos estrearam com vitórias por ippon, mas caíram nas oitavas-de-final diante dos cabeças-de-chave número um de suas categorias.

AMIGO LEITOR

Seja um colaborador do nosso Site Portal Olímpico.
Venha fazer parte desta família.
Colabore com a divulgação dos esportes.
Não deixe essa chama apagar.
Dê sua contribuição: Pix 22988620015
Depósito ou Transferência Bancaria em nome de Francisco de Alvarenga Leandro
Banco: Santander Ag: 3086 - Conta: 01042887-3
Qualquer dúvida (22) 988620015.
Desde já, agradecemos sua colaboração!
Atenciosamente, Sócio/Gerente: Francisco de Alvarenga Leandro.

+ Jogos Olímpicos e Paralímpicos de Tóquio 2020 terão participação de árbitros brasileiros

Allan bateu o judoca do Quirguistão, Allan Bestaev, e caiu, nas punições, diante do cazaque Gusman Kyrgyzbayev, melhor ranqueado do torneio.

Judô Tênis

Já Willian passou pelo búlgaro Bozhidar Temelkov e encarou o número cinco do mundo, Baruch Shmailov, de Israel, na segunda rodada. Em combate equilibrado, Willian foi projetado quase no último segundo de luta e não teve tempo de reverter o waza-ari sofrido.

[Querido amigo! Está gostando desta matéria? Se sim, precisamos da sua colaboração para mantermos o nosso Site Portal Olímpico. Contribua com a quantia que puder, será de grande ajuda.
Nosso PIX: 22988620015.
Desde já, nosso muito obrigado, e prossiga com uma boa e abençoada leitura.]

+ Equipe brasileira de judô, volta as atenções para o Grand Slam de Tel Aviv

Os outros quatro brasileiros que lutaram nesta quinta não conseguiram passar das primeiras lutas.

No ligeiro masculino, Phelipe Pelim sofreu ippon de Temur Nozadze, da Geórgia, que chegou à final da categoria.

Nas chaves femininas, Eleudis Valentim (52kg) parou em Gultaj Mammadaliyeva, do Azerbaijão, nas punições; Jéssica Pereira (57kg) não passou por Kaja Kajzer, da Eslovênia; e Ketelyn Nascimento (57kg) parou em Vera Zemanova, da República Tcheca, depois de quase sete minutos de luta no tempo extra.

Brasil tem mais cinco judocas em ação na sexta-feira

No segundo dia, o Brasil será representado por Maria Portela (70kg) nas disputas femininas, e por outros quatro judocas nas chaves masculinas: Eduardo Katsuhiro (73kg) e David Lima (73kg) dobram no peso leve, assim como Victor Penalber (81kg) e João Pedro Macedo (81kg), no meio-médio.

Programação

5h30 – Preliminares

12h00 – Finais

Horário de Brasília

Ao vivo: Live.ijf.org

Fonte: CBJ (cbj.com.br)

Share