Rio 2016

África define classificações para o tênis de mesa dos Jogos Olímpicos Rio 2016

3741.V

Warren Little/Getty Images
O egípcio Omar Assar, campeão individual nos Jogos Africanos, em Brazzaville

O egípcio Omar Assar, campeão individual nos Jogos Africanos, em Brazzaville

Jogos Africanos disputados no Congo valeram quatro vagas masculinas e quatro femininas, com domínio dos egípicios

Por critério da Federação Internacional de Tênis de Mesa (ITTF, na sigla em inglês), das vagas continentais para os Jogos Olímpicos Rio 2016, seis são reservadas para a África. As quatro primeiras (para homens e para mulheres) saíram dos Jogos Africanos, encerrados no sábado (19) em Brazzaville, no Congo. As outras duas vagas (para homens e para mulheres) serão pela Classificação Continental Africana, que será entre 16 e 18 de fevereiro de 2016, em Khartoum, no Sudão.

Na 50ª edição dos Jogos Africanos, em Brazzaville, as finais individuais do tênis de mesa, masculina e feminina, foram dominadas pelos egípcios. No masculino, o ouro ficou com o Egito e a prata, com a Nigéria; os bronzes foram para Egito e Congo. No feminino, o ouro e a prata ficaram em dobradinha para o Egito; os bronzes foram para Nigéria e Congo.

Han Xing, representante do Congo, ficou com bronze e garantiu vaga para o Rio 2016 (Foto:Rob Carr/Getty Images)

As vagas Olímpicas para o Rio 2016 foram definidas pela ordem de classificação, que ficou assim:

Homens
Omar Assar (Egito), Quadri Aruna (Nigéria), Khalid Assar (Egito) e Wang Jianan (Congo).
Mulheres:

Dina Meshref (Egito), Nadeen El-Dawlatly (Egito), Han Xing (Congo) e Olufunke Oshonaike (Nigéria).

São 40 vagas individuais definidas em torneios continentas para o tênis de mesa dos Jogos Olímpicos Rio 2016. Além das seis da África, são mais 11 para a Ásia, 11 para a Europa, seis para a América Latina, três para a América do Norte e três para a Oceania. Outras 22 serão definidas pelo ranking da ITTF.

Acompanhe aqui a corrida pela classificação para os Jogos Olímpicos Rio 2016.

Rio2016.com não é uma autoridade absoluta sobre as classificações para os Jogos Olímpicos e Paralímpicos, que são um processo em andamento. Vagas finais só serão confirmadas em julho de 2016 (para os Jogos Olímpicos) e agosto de 2016 (para os Jogos Paralímpicos). Os sistemas de classificação são definidos para cada esporte pela respectiva Federação Internacional e o Comitê Olímpico Internacional ou Comitê Paralímpico Internacional e estão sujeitos a mudanças. Quando um atleta ou equipe obtém uma vaga para seu país, a decisão final se ela será usada e quais atletas irão aos Jogos será tomada pelo respectivo Comitê Olímpico Nacional ou Comitê Paralímpico Nacional (CON ou CPN). Mesmo quando atletas alcançarem uma vaga nominal para eles mesmos, CONs/CPNs podem ter de decidir quem irão enviar aos Jogos caso o número de atletas classificados de um país exceda a cota máxima.

www.rio2016.org
Rio 2016

Mais...

Buscas

Todas as notícias