Tradutor/ Translate

Avaí/Kindermann perde para o Boca Juniors e esta eliminado da Libertadores Feminina

Avaí/Kindermann perde para o Boca Juniors e esta eliminado da Libertadores Feminina
Catarinenses param nas próprias finalizações e na goleira Olivares
Foto: © Andrielle Zambonin/Avaí Kindermann/Direitos Reservados

A primeira participação do Avaí/Kindermann na Libertadores Feminina chegou ao fim. Nesta quarta-feira (11), pela edição 2020 do torneio, disputado na Argentina, as catarinenses foram superadas pelo Boca Juniors (Argentina) por 1 a 0 no estádio José Amalfitani, em Buenos Aires. O resultado negativo e a goleada do Santiago Morning (Chile) sobre o Deportivo Trópico (Bolívia) por 9 a 0 no estádio Nuevo Francisco Urbano, em Morón, eliminaram as brasileiras.

AMIGO LEITOR
Seja um colaborador do nosso Site Portal Olímpico. Não deixe essa chama apagar. Neste momento de dificuldade, toda contribuição financeira é bem-vinda.
Dê sua contribuição: Pix 22988620015
Depósito ou Transferência Bancaria em nome de Francisco de Alvarenga Leandro - Banco: Santander Ag: 3086 - Conta: 01042887-3
Qualquer dúvida (22) 988620015.
Desde já, agradecemos sua colaboração!
Atenciosamente, Sócio/Gerente: Francisco de Alvarenga Leandro.

+ Corinthians mantém 100% de aproveitamento na Libertadores Feminina

Judô Tênis

Em segundo lugar do Grupo B, com cinco pontos, as chilenas serão as adversárias do Corinthians, atual campeão da América, nas quartas de final. As argentinas, que avançaram como líderes da chave, com sete pontos, terão o América de Cali (Colômbia) como rival no mata-mata.

Bia Zaneratto atacante da seleção feminina retorna ao Palmeiras

[Querido amigo! Está gostando desta matéria? Se sim, precisamos da sua colaboração para mantermos o nosso Site Portal Olímpico. Contribua com a quantia que puder, será de grande ajuda.
Nosso PIX: 22988620015.
Desde já, nosso muito obrigado, e prossiga com uma boa e abençoada leitura.]

As Leoas Avaianas entraram em campo em segundo lugar, com os mesmos quatro pontos do Boca, mas atrás pelo saldo de gols (seis a cinco). Precisando vencer para não dependerem do jogo entre Morning e Trópico, as catarinenses tiveram a iniciativa ofensiva, mas esbarraram nas próprias finalizações e na goleira Laurina Oliveros.

Alerj troca nome de Maracanã para Pelé; neto de Mário Filho protesta

O cenário não se alterou no segundo tempo, com o Avaí/Kindermann pressionando em busca do gol da classificação, mas Oliveros foi decisiva. A goleira fez duas grandes defesas em tentativas de Lelê. Na segunda, evitou de mão trocada um gol de cabeça da atacante, quase na pequena área. Faltando dez minutos para o fim, a atacante Caty e a lateral Fran se trombaram na hora de completar um cruzamento diante da meta e desperdiçaram ótima oportunidade.

Ferroviária se complica na Libertadores Feminina com o empata Peñarol

O Boca, apostando nos contra-ataques, assustou aos 37 minutos com Andrea Ojeda, lançada às costas da defesa catarinense, mas a atacante bateu para fora. As argentinas, porém, não perderiam uma segunda chance. Aos 40, após cruzamento pela direita, a atacante Yamila Rodríguez subiu livre de marcação para cabecear, sem chances para a goleira Bárbara. O Avaí/Kindermann se lançou desesperadamente à frente, mas, desorganizado, sequer conseguiu o empate.

Técnico do Flamengo Rogério Ceni antecipa retorno aos trabalhos de olho na pré-temporada de 2021

Antes da derrota para o Boca, o Avaí/Kindermann atropelou o Deportivo Trópico por 8 a 0 e empatou sem gols com o Santiago Morning. Vice-campeãs nacionais no ano passado, as Leoas Avaianas estão confirmadas na edição referente a 2021 da competição sul-americana, que será disputada entre 30 de setembro e 16 de outubro, no Chile.

Publicado em 12/03/2021 – 00:02 Por Lincoln Chaves – Repórter da TV Brasil e da Rádio Nacional – São Paulo

Edição: Fábio Lisboa

Fonte: Agência Brasil (agenciabrasil.ebc.com.br)

Share

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.