Judô

Judocas garantem ouro para Alagoas, Amazonas e Ceará nos Jogos Escolares da Juventude 12 a 14 anos

952.V

Wander Roberto/Exemplus/COB
Outro Estado que se destacou no segundo dia de judô na competição para estudantes foi o Paraná que faturou dois ouros

Outro Estado que se destacou no segundo dia de judô na competição para estudantes foi o Paraná que faturou dois ouros

O segundo dia de judô nos Jogos Escolares da Juventude 12 a 14 anos que estão sendo realizados em João Pessoa, capital da Paraíba, reservou muito alegria para Estados do Norte e Nordeste do país. Os alunos/atletas colocaram Alagoas, Amazonas e Ceará no topo do pódio. Outro Estado que teve muito o que comemorar no último dia das disputas individuais da modalidade na competição para estudantes foi o Paraná que faturou dois ouros, chegando a três e empatando com o Rio de Janeiro na segunda colocação no quadro de medalhas. O Rio Grande do Sul que havia conquistado três medalhas nesta quarta, conquistou mais uma e, com quatro, liderou a tabela de classificação.

Entre as instituições de ensino, dois colégios do Rio de Janeiro se destacaram. Com um ouro e dois bronzes, o Santa Mônica CE Freguesia foi o campeão do judô nos Jogos Escolares da Juventude 12 a 14 anos. A Sociedade Educacional Recriando com um ouro e um bronze ficou na segunda colocação. Além das duas escolas do Rio, só o Colégio Estadual Tatuquara do Paraná conseguiu mais de uma medalha, com dois bronzes.

Na parte da manhã, a alagoana Maria Eduarda Mata, da Escola Saturnino de Souza, se impôs ante atletas de Estados com mais tradição no esporte como Rio Grande do Sul, Rio de Janeiro, Bahia, Santa Catarina e Mato Grosso do Sul, este último na grande decisão, para ficar com o lugar mais alto do pódio na categoria meio-leve (44kg). No masculino, o título foi para Pedro Boeing (44kg), do Colégio CVAN do Distrito Federal. Já no leve (48kg), Bruna Nascimento, EE Elvira Balani dos Santos do Paraná, e Ryan da Conceição, EM Nereu Sampaio do Rio de Janeiro, conquistaram o lugar mais alto do pódio.

Já a tarde foi a vez das categorias superligeiro (40kg) e ligeiro (44kg) e mais uma vez o Nordeste se deu bem. Eduardo de Souza, da EM Francisco Domingos da Silva do Ceará, foi o melhor entre os ligeiros. No feminino, o ouro foi para o Rio Grande do Sul com Gabriela Calvetti, do Colégio La Salle Niterói. No ligeiro feminino, o Amazonas confirmou o bom trabalho que vem fazendo nas categorias mais leves femininas – colocou Rafaela Barbosa do meio-leve na seleção principal e conquistou uma medalha de bronze no Mundial Sub 21 do ano passado com Rita Reis no superligeiro – com o ouro de Samanta Santos, da Escola Municipal Senador Fábio P. Lucena. No masculino, o título do superligeiro foi para o paranaense Thales Alves.

As disputas no Centro de Convenções de João Pessoa terminam nesta sexta com as Equipes. Pela manhã será realizado o torneio Por Equipes Masculino e a tarde o Por Equipes Feminino. Quase 400 judocas (205 meninos e 191 meninas) estiveram em ação nos três dias de judô nos Jogos Escolares da Juventude 12 a 14 anos.

A Confederação Brasileira de Judô esteve representada por Edmilson Guimarães, coordenador geral modalidade Judô; Marson Albani, assessor técnico; e Jeferson Vieira, coordenador de arbitragem.

www.cbj.com.br
CBJ

Mais...

Buscas

Todas as notícias