Judô

Seleção escolar de judô tem treino de luxo com campeãs olímpicas

477.V

Lara Monsores/CBJ
Sarah e Rafaela treinaram nessa quinta-feira com os 55 atletas participantes da 2ª edição do Treinamento de Campo dos Jogos Escolares da Juventude

Sarah e Rafaela treinaram nessa quinta-feira com os 55 atletas participantes da 2ª edição do Treinamento de Campo dos Jogos Escolares da Juventude

Concentrados no Rio de Janeiro desde quarta-feira, 11, os 55 judocas que participam da 2ª edição do Treinamento de Campo de Judô Escolar tiveram uma oportunidade que poucos judocas no Brasil têm: treinar com as campeãs olímpicas Sarah Menezes e Rafaela Silva no dojô do Centro de Treinamento do Time Brasil, na Barra da Tijuca. A atividade aconteceu nessa quinta-feira, 12, e foi comandada pelo técnico da seleção olímpica feminina, sensei Mario Tsutsui, que está no Rio especialmente para acompanhar a preparação de Rafaela para o Mundial de Budapeste.

"Foi bem divertido. A gente fez uma troca de experiências. Começamos o aquecimento com eles, fizemos randoris. Percebi que tem atletas que rapidinho vão estar na seleção, porque demonstraram talento e potencial. É de extrema importância esse treino em conjunto com todos os estados antes da competição para fortalecer o judô do nosso país", elogiou Sarah, que já lutou e venceu os Jogos Escolares.

A seleção escolar tem atletas de 13 a 16 anos oriundos de 21 estados brasileiros. A paraense Adriane Fernanda da Silva, de 16 anos, fez randoris (simulações de luta) com Sarah e comemorou a oportunidade de pegar no quimono de uma campeã olímpica.

"Foi uma experiência ótima. A gente se sente muito feliz por treinar com uma campeã olímpica. É uma honra para gente fazer esse treino com elas", descreveu a aluna da escola Luiz Paulino Martires.

Para Rafaela, o treino mostrou que a jovem equipe já possui muita vontade, característica que, para ela, é o que se procura em um futuro campeão.

"Veio uma galerinha bem forte. Pude segurar no quimono de alguns atletas e tem bons judocas nesse grupo. Eles sabem que a gente é um pouco mais experiente, então eles vêm com mais vontade, como se viessem para uma competição", destacou Rafaela, que segue treinando para buscar seu segundo ouro em Campeonatos Mundiais.

Victor Penalber também participa de atividade e relembra participação nos JEJ's

Na sexta-feira, 14, foi a vez de Victor Penalber, titular do peso meio-médio do Brasil nos Jogos do Rio e medalhista de bronze no Mundial de Astana, em 2015, trocar experiências com a seleção escolar. Ele preparou e ministrou um treino especial sobre algumas de suas técnicas preferidas e, no final, passou uma mensagem de motivação para aqueles que estão iniciando suas carreiras competitivas no judô. 

"Contei uma história para os jovens aqui que, em 2005, fui campeão dos Jogos Escolares da Juventude e aquilo foi uma virada de mesa na minha vida. Aquele momento me marcou muito e acho que a participação em um evento assim também pode marcar a vida deles para, quem sabe, termos futuros atletas olímpicos", disse o judoca da seleção que também se prepara para o Mundial de Budapeste. "Se eu fiz alguma diferença na vida deles hoje, qualquer uma, ou se passei no mínimo uma boa impressão, para mim já é missão cumprida por hoje. É o trabalho do dia-a-dia que vai fazer diferença para esses garotos chegarem ainda mais longe."

A delegação ficará concentrada no Centro de Desporto da Aeronáutica, no Campo dos Afonsos, com treinamentos diários até a próxima segunda-feira, quando retornarão às suas cidades de origem. O encontro é promovido pelo Comitê Olímpico do Brasil em parceria com a Confederação Brasileira de Judô.

Jogos Escolares 2017 - As próximas etapas dos Jogos Escolares serão realizadas na segunda metade do ano. Curitiba (PR) receberá a etapa de 12 a 14 anos, entre os dias 12 a 21 de setembro; enquanto Brasília (DF) será a sede da etapa de 15 a 17 anos, entre 16 a 25 de novembro.

www.cbj.com.br
CBJ

Mais...

Buscas

Todas as notícias