Tênis

Bia vence na estreia do Australian Open e encerra jejum de 53 anos

68.V

Divulgação
Tenista número 1 do Brasil garantiu sua primeira vitória no torneio

Tenista número 1 do Brasil garantiu sua primeira vitória no torneio

A paulista Beatriz Haddad Maia conquistou mais um feito inédito em sua carreira. Nesta terça-feira, a tenista número 1 do Brasil e 70 do mundo garantiu sua primeira vitória no Australian Open ao derrotar a convidada local Lizette Cabrera, por 7/6(3) 6/4, após 1h35 de partida.

Com a vitória, Bia também encerrou um jejum de 53 anos. Desde 1965, quando Maria Esther Bueno foi vice-campeã do Grand Slam australiano, nenhuma brasileira havia passado da primeira rodada.

“Fico feliz em quebrar esse tabu. É sempre uma honra jogar pelo Brasil. Hoje tinham muitos brasileiros torcendo por mim. Saber que há 53 anos nenhuma brasileira ganhava aqui só deixa a gente mais motivado que é possível. Não só eu, mas todas as garotas devem acreditar que também podem”, destacou Bia.

Na partida desta terça, Bia começou jogando um pouco abaixo. Viu a adversária abrir 5/2, mas reagiu, levou a definição do primeiro set para o tiebreak e venceu o desempate. Depois, na segunda parcial, a brasileira jogou mais solta e assegurou a vitória da partida.

"Foi um jogo duríssimo. Ela começou jogando muito solta, em casa, bem diferente da semana passada (quando se enfrentaram em Hobart e Bia ganhou sem dificuldades em sets diretos). O ponto positivo de hoje é que eu competi muito bem, me mantive firme de cabeça e agora é me preparar para a próxima rodada, outra pedreira contra a (Karolina) Pliskova”, afirmou Bia.

Na próxima rodada, Bia terá a chance de desafiar uma top 10, a tcheca Karolina Pliskova, número 6 do mundo e cabeça de chave 6 do torneio, que venceu na estreia a paraguaia Veronica Cepede, por 6/3 6/4.

www.cob.org.br
Comitê Olímpico Brasileiro

Mais...

Buscas

Todas as notícias