WSL cancela segunda etapa do Circuito Mundial de Surfe

WSL cancela segunda etapa do Circuito Mundial de Surfe
© WSL/Heff/Direitos Reservados

A WSL (Liga Mundial de Surfe) anunciou nesta terça-feira (5) o cancelamento da segunda etapa do Circuito Mundial de Surfe, o Sunset Open, programada para acontecer entre os dias 19 e 28 de janeiro em Sunset Beach, na ilha de Oahu (Havaí).

AMIGO LEITOR

Seja um colaborador do nosso Site Portal Olímpico.
Venha fazer parte desta família.
Colabore com a divulgação dos esportes.
Não deixe essa chama apagar.
Dê sua contribuição: Pix 22988620015
Depósito ou Transferência Bancaria em nome de Francisco de Alvarenga Leandro
Banco: Santander Ag: 3086 - Conta: 01042887-3
Qualquer dúvida (22) 988620015.
Desde já, agradecemos sua colaboração!
Atenciosamente, Sócio/Gerente: Francisco de Alvarenga Leandro.

O anúncio foi feito após o Governo do Havaí decidir suspender todas as competições de surfe por tempo indeterminado por causa da pandemia do novo coronavírus (covid-19). “A saúde pública e a segurança de nossas comunidades, competidores, espectadores e visitantes estão em primeiro lugar nesta decisão”, diz nota governamental.

Esta medida do estado norte-americano levou também ao cancelamento da competição em ondas gigantes de Jaws, disputada em Pe’ahi, na ilha havaiana de Maui.

Judô Tênis

Na mesma nota, a WSL afirmou que adiou a terceira etapa do Circuito Mundial, o Santa Cruz Pro, programado para ocorrer no período de 2 a 12 de fevereiro em Santa Cruz, no estado norte-americano da California.

[Querido amigo! Está gostando desta matéria? Se sim, precisamos da sua colaboração para mantermos o nosso Site Portal Olímpico. Contribua com a quantia que puder, será de grande ajuda.
Nosso PIX: 22988620015.
Desde já, nosso muito obrigado, e prossiga com uma boa e abençoada leitura.]

“A decisão baseia-se principalmente no aumento de casos covid-19 na Califórnia. O adiamento também é fortemente influenciado pelo tempo que nossos atletas ficaram longe de casa e pelas complexidades das viagens internacionais durante esta pandemia, o que causaria desafios logísticos significativos para atletas e funcionários viajarem para casa e retornarem à Califórnia para o evento”, justifica a Liga Mundial de Surfe.

Fonte: Agência Brasil (agenciabrasil.ebc.com.br)

Share