Judô

Na Croácia, Jeferson Vieira participa de curso da IJF Academy para árbitros

25.V

.
Atividade faz parte da programação do Grand Prix de Zagreb e teve como objetivo capacitar árbitros que atuarão no evento deste final de semana

Atividade faz parte da programação do Grand Prix de Zagreb e teve como objetivo capacitar árbitros que atuarão no evento deste final de semana

A IJF Academy, departamento acadêmico da Federação Internacional de Judô, promoveu nesta semana três dias de aulas práticas de judô para 18 árbitros que atuarão no Grand Prix de Zagreb, na Croácia, neste final de semana. Único brasileiro convocado pela FIJ nesta competição, o árbitro FIJ A Jeferson Vieira participou do curso e comemorou a conquista do Certificado de Reconhecimento conferido pela IJF Academy pela conclusão do curso IJF Nage-Waza e Katame-Waza.

“Estou muito satisfeito com mais essa conquista. Agradeço à FIJ, CPJ, CBJ e FJERJ por ser um dos poucos a estar participando do processo nesse momento. Torço e acredito que esse é o primeiro passo para que muitos outros avancem no sentido do aprimoramento”, disse o carioca em entrevista ao site oficial da Federação de Judô do Estado do Rio de Janeiro.

A programação do curso para árbitros começou na segunda-feira e foi até quarta-feira, 25, com seis horas diárias de atividades práticas no tatame, envolvendo técnicas de Te-Waza, Koshi-Waza, Ashi-Waza, Sutemi-Waza, Katame-Waza, Osaekomi-Waza, Shime-Waza e Kansetsu-Waza.

"É inédito para um árbitro treinar seis horas por dia, três dias seguidos no tatame, executando uma série de técnicas, tanto de taci-waza, quanto de ne-waza. Esse foi um exercício muito postitivo e uma grande ferramenta para a construção de uma equipe", avaliou Jan Snijders, diretor de Arbitragem da FIJ.

“As marcas estão no corpo. Foram seis horas de treino diárias, sendo três pela manhã e três pela tarde, em três dias seguidos. Treino muito técnico e puxado mesmo, o tempo todo de judogui”, comentou Vieira. “A FIJ fez muito bem em habilitar os profissionais que trabalham com ela e que, possivelmente, atuarão nos Jogos Olímpicos. É certeza de que teremos faixas-pretas mais bem preparados, com conhecimentos atualizados, atuando nos próximos campeonatos”, completou.

O Grand Prix de Zagreb começa nesta sexta-feira, 27, com as preliminares a partir das 4h30. O Brasil será representado nos combates por 14 judocas, além do árbitro.

Fonte: FJERJ e IJF

www.cbj.com.br
Confederação Brasileira de Judô

Mais...

Buscas

Todas as notícias