Judô

Seleção brasileira masculina de judô realiza pré-temporada em universidades no Japão

111.V

.
CBJ enviou atletas para Kokushikan, Nittaidai, Tsukuba e Tokai para 14 dias de intercâmbio com japoneses

CBJ enviou atletas para Kokushikan, Nittaidai, Tsukuba e Tokai para 14 dias de intercâmbio com japoneses

Dezessete judocas da seleção masculina do Brasil desembarcaram no Japão na última segunda-feira, 14, para darem início à pré-temporada de treinos preparatórios para as competições de 2019, ano pré-olímpico decisivo para a classificação rumo a Tóquio 2020. Eles foram divididos em três grupos de acordo com suas categorias de peso e, na primeira semana, cada grupo se concentrará em uma universidade japonesa.

Os locais foram escolhidas de acordo com as características dos atletas. A Universidade de Kokushikan, por exemplo, é onde se concentram os melhores judocas dos pesos mais pesados do Japão e foi para lá, portanto, que a Confederação Brasileira de Judô levou os atletas Rafael Silva "Baby" (+100kg), David Moura (+100kg), Rafael Buzacarini (100kg), Leonardo Gonçalves (100kg) e Rafael Macedo (90kg).

Os judocas Marcelo Contini (73kg), David Lima (73kg), Eduardo Katsuhiro (73kg), Guilherme Schimidt (81kg) e Eduardo Bettoni (90kg) foram para a Universidade de Tsukuba, enquanto os ligeiros e meio-leves, Eric Takabatake (60kg), Phelipe Pelim (60kg), Renan Torres (60kg), Charles Chibana (66kg), Daniel Cargnin (66kg) e Michael Marcelino (66kg) foram para a Universidade de Nittaidai.

A comissão técnica também foi dividida para acompanhar os três grupos. A técnica Yuko Fujii está responsável pelo grupo de Nittaidai, o coordenador técnico, Luiz Shinohara, acompanha o grupo de Kokushikan, e o gestor de Alto Rendimento da CBJ, Ney Wilson Pereira, segue com a equipe em Tsukuba.

Após os seis primeiros dias treinando separadamente, todos os atletas se reunirão a partir deste domingo, 20, na Universidade de Tokai para mais dez dias de treinos intensos. O retorno ao Brasil será no dia 29 para darem seguimento à preparação em seus respectivos clubes. A estreia da equipe masculina do Brasil no Circuito Mundial será no Grand Slam de Dusseldorf, na Alemanha, nos dias 22, 23 e 24 de fevereiro.

Phelipe Pelim vive dia de "repórter" e mostra os bastidores dos treinos no Japão no Instagram da CBJ

Na madrugada desta sexta-feira, 18, o ligeiro Phelipe Pelim, a convite da CBJ, viveu um dia de "repórter" para mostrar os bastidores dos treinamentos em Nittaidai.

Ele compartilhou nos stories do perfil oficial da CBJ no Instagram (@noticiascbj) momentos da equipe brasileira no alojamento, no dojô durante os randoris (treinos de luta) e momentos de descontração dos atletas após os treinos. Uma das curiosidades destacadas pelo relato do atleta foi o alojamento "raiz" onde estão hospedados. (Assista aqui)

"Foi legal passar um pouco do que estamos vivendo aqui no Japão. Espero que tenham curtido, dado umas risadas e acompanhado a nossa rotina de treinos bem forte, com cada um buscando seu objetivo, buscando evoluir e buscando mais medalhas, não só para a gente, mas para o Brasil em primeiro lugar", resumiu Pelim.

www.cbj.com.br
Confederação Brasileira de Judô

Mais...

Buscas

Todas as notícias