Volei

Seleção feminina de vôlei vence o Japão na abertura da quarta semana da Liga das Nações

82.V

COB
Paula Borgo é o destaque individual na partida, com 26 pontos

Paula Borgo é o destaque individual na partida, com 26 pontos

A seleção brasileira feminina de vôlei começou com vitória a quarta semana da Liga das Nações. Nesta terça-feira, 11 de junho, a equipe do treinador José Roberto Guimarães superou o Japão por 3 sets a 1 (25/17, 25/19, 20/25 e 25/22), em 1h52 de jogo, em Tóquio (Japão). Após a sétima vitória do time verde e amarelo na competição, o Brasil volta à quadra nesta quarta, às 3h40 (horário de Brasília), contra a Tailândia.

Com o resultado desta terça-feira, a seleção alcançou o quarto lugar na classificação geral, com 22 pontos (7 vitórias e 3 derrotas). A Turquia lidera, com 27 pontos, seguida pela China, com 23 e a Itália, com 22.

Na vitória contra o Japão, quem brilhou foi a oposta Paula Borgo, maior pontuadora do confronto, ao lado da japonesa Koga, com 26 acertos. A ponteira Gabi, com 13, e a central Bia, com 10, também se destacaram. Ao final do duelo, Paula analisou o resultado.

“Foi uma vitória muito importante para o nosso grupo. O Japão é um adversário direto na busca por um lugar na fase final. As japonesas defendem muito e têm volume de jogo. Todo o time está de parabéns por esse resultado e agora já temos que pensar na Tailândia”, disse Paula Borgo.

Quem também ressaltou a importância do resultado foi o técnico José Roberto Guimarães.

“Nosso time se comportou muito bem no primeiro, no segundo e no quarto sets. O Japão se encontrou no terceiro set com seu sistema defensivo. Foi muito importante a forma que a nossa equipe jogou, diante de um adversário que é muito difícil de se enfrentar. Estou feliz pelo jogo e foi uma boa apresentação do nosso time principalmente em relação ao passe e ao volume de jogo. Também fomos eficientes nos contra-ataques.”

Liga das Nações

Após a etapa do Japão, a equipe viaja para a Turquia. Entre 18 e 20 de junho, em Ancara, o Brasil mede forças contra a seleção local, a Itália e a Bélgica.

Já a fase final reunirá a China, país-sede, e as cinco seleções mais bem classificadas ao final da fase classificatória será disputada em Nanquim, na China, entre os dias 3 e 7 de julho.

Campanha

Brasília (Brasil)

21.05 (TERÇA-FEIRA) – Brasil 3 x 0 China (25/15, 25/21 e 25/21)
22.05 (QUARTA-FEIRA) – Brasil 1 x 3 República Dominicana (22/25, 20/25, 25/22 e 26/28)
23.05 ( QUINTA-FEIRA) – Brasil 3 x 0 Rússia (25/17, 25/17 e 25/14)

Apeldoorn (Holanda)

28.05 (TERÇA-FEIRA) – Brasil 3 x 2 Holanda (21/25, 30/28, 25/20, 18/25 e 15/11)
29.05 (QUARTA-FEIRA) – Brasil 2 x 3 Polônia (25/20, 25/22, 26/28, 18/25 e 15/9)
30.05 (QUINTA-FEIRA) – Brasil 3 x 0 Bulgária (25/18, 25/23 e 25/18)

Lincoln (Estados Unidos)

04.06 (TERÇA-FEIRA) – Brasil 2 x 3 Alemanha (25/21, 29/31, 25/21, 20/25 e 13/15)
05.06 (QUARTA-FEIRA) – Brasil 3 x 0 Coréia do Sul (25/17, 25/16 e 25/11)
06.06 (QUINTA-FEIRA) – Brasil 3 x 1 Estados Unidos (25/19, 25/17, 22/25 e 25/20)

Tóquio (Japão)
11.06 (TERÇA-FEIRA) – Brasil 3 x 1 Japão (25/17, 25/19, 20/25 e 25/22)
12.06 (QUARTA-FEIRA) – Brasil x Tailândia, às 3h40 (Horário de Brasília) – SporTV 2
13.06 (QUINTA-FEIRA) – Brasil x Servia, às 3h40 (Horário de Brasília) – SporTV 2

www.cob.org.br
Comitê Olímpico do Brasil

Mais...

Buscas

Todas as notícias